AS SETE LEIS ESPIRITUAIS VII – Lei do Darma ou Propósito de Vida + Sugestão de Aplicação Diária

Você tem um corpo físico – temporário. Ok.

Você tem uma essência divina – eterna… Ops!

Tem não, VOCÊ É o divino manifestado fisicamente. Sua parcela divina vive em conexão direta com o campo da potencialidade pura e, portanto, é atemporal e ilimitada.

Resumindo você é um ser ilimitado imaginando estar contido num castelo de carne e ossos, o que é um delírio. A grandiosidade do espírito não caberia nunca no veículo rudimentar que dirigimos nesse planeta. Quando esse potencial divino escolhe se manifestar fisicamente, ele define um propósito de vida, chamado de darma em sânscrito.

Você já se perguntou o que veio fazer aqui?

Você tem curiosidade a respeito da razão da existência?

Já se indagou sobre quem é de verdade?

Já sentiu um vazio dentro do peito quando a vida está aparentemente perfeita, tão perfeita que reclamar seria um crime?

Se você nunca se fez essas perguntas e acredita que comprar, comer e se divertir ao máximo é o que de melhor existe, nem precisa continuar lendo. Tem gente que acha sua razão de viver é a empresa. Assim vive para o trabalho negligenciando a saúde e a família até o dia em que recebe um bilhete azul de presente e perde totalmente o chão, entra em depressão, parece que a vida acabou.

O que você escolhe?



Desemprego = desespero    X    Desemprego = disponibilidade



Disponibilidade para quê?

Para escolher o caminho da auto-realização ou continuar girando a roda sofrimento-reclamação-insatisfação.

O fato é que tem algo que só VOCÊ pode fazer melhor que qualquer outro ser humano nesse planeta e é por isso que está aqui. O seu talento, o seu dom e sua maneira especial e única de expressá-lo são sua marca registrada. Esse dom pode se transformar no seu trabalho e te sustentar materialmente com tranquilidade.
seu dom

Quando você expressa seu talento com entrega, com amor, perde a noção do tempo e se transporta ao reino da potencialidade pura.

♥ Se você combina seus talentos com o serviço à humanidade está vivendo plenamente seu darma.

♥ Se você vive seu darma, a prosperidade e a abundância fazem morada no seu coração – a prosperidade é inerente ao campo de potencialidade pura.

Isso faz com que as pessoas encontrem o caminho para o sucesso sem procurá-lo. Vem de brinde. Como disse Jesus com outras palavras: “procure primeiro o reino de Deus e tudo o mais vos será dado por acréscimo.”

O universo não sabe o que é escassez ou falta de recursos.

Se você começa a vida buscando dinheiro e poder, atrás da profissão que paga melhor, sem levar em conta o que gosta de fazer e seus dons, o foco apenas no lado material pode trazer sucesso temporário.

Uma vida plena em abundância ocorre quando se está conectado ao seu real propósito. Deepak sugere no seu livro “As Sete Leis Espirituais do Sucesso”, três passos simples para alcançar o gradiente máximo de plenitude:

1. Nutrir a sua divindade, criando espaço na sua vida para sentir o espirito atuando através de você.
2. Fazer uma lista dos seus dons e das atividades que ama fazer.
3. Perguntar-se como pode servir a um grupo de pessoas ou à humanidade através das suas atividades.

Quando expressa seus talentos servindo ao mundo, você cria abundância tanto na sua vida como na dos outros. Distribui. Compartilha. Impulsiona a energia da prosperidade. A essência divina se manifesta através de nós usando todas essas leis ao mesmo tempo. Elas não são separadas no tempo ou espaço porém, quando apresentadas em sequência, facilitam a compreensão e aplicação na vida diária.

Uma das formas de por em prática seria treinar uma lei a cada dia da semana:

Domingo – Potencialidade Pura: reservar um momento para estar em silêncio, contemplar a natureza e não julgar. Entrar em contato com seu eu divino.
Segunda-feira – Doação: dar o que você quer receber seja bens, amor, paz. Ser grato por tudo o que recebe. Aqui você ativa o seu potencial e cria bons carmas facilitando a vida.
Terça-feira – Carma: estar consciente de suas escolhas e consequências. Focar no presente para criar seu futuro.
Quarta-feira – Mínimo Esforço: aceitar os acontecimentos e as pessoas e como são e assumir responsabilidade pelos problemas. A partir desse ponto, pode-se transformar o negativo em positivo com a ação consciente.
Quinta-feira – Intenção e Desejo: elaborar a sua lista de desejos e colocar energia nela, no que quer aumentar na sua vida. Retirar a atenção do que quer desapegar. Confiar.
Sexta-feira – Distanciamento: sentir na pele cada desejo realizado e deixar o processo por conta da sabedoria da consciência, entregar a necessidade de controle, confiar.
Sábado – Darma: fazer a lista de seus dons e os colocar a serviço dos demais enriquecendo sua vida e o campo quântico de todo o planeta.

Outra forma de proceder seria alocar uma semana para cada lei, intensificando o aprendizado. Se quiser se concentrar numa única lei por vez por um tempo indeterminado até atingir a maestria nesse tema, fique à vontade. O universo não tem cartilha pronta. Não haverá chamada oral no fim do dia. A quem interessa viver uma vida com leveza e graça?

Você é, ao mesmo tempo, professor e aluno. É a sua escola. Sua escolha. Use seu tempo e seus talentos da melhor forma. Lembre-se cada um faz o melhor que pode a cada segundo, de acordo com o seu nível de consciência (Todo mundo faz o melhor que pode.). Usando a primeira lei, você já começa de cara ampliando seu nível de consciência.

Você deseja isso?

 

4 comentários em “AS SETE LEIS ESPIRITUAIS VII – Lei do Darma ou Propósito de Vida + Sugestão de Aplicação Diária

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.