Um fenômeno branco

Nunca antes vi pensamentos e sentimentos se materializarem na minha frente de maneira tão rápida e tão densa. Desejos de vingança, fracasso, doença ou morte transformados em sujeira, sangue, terra e objetos variados – uma montanha de guerra e destruição. Cheiro ruim. Tristeza. Cansaço. Alívio. Aceitação. Li muitas vezes sobre o pensamento ter forma, pesoContinuar lendo “Um fenômeno branco”