Happy Hour Fácil Fácil

Próximo encontro: dia 6/12 às 19h de Brasília. Para participar, entre aqui: link https://t.me/+TvQsGDqNO58zZTYx

Nesse ano tão estranho, cheio de altos e baixos, desafios grandes e pequenos, mudanças impostas – nem sempre benéficas, as pessoas seguem em frente, cada uma com seus recursos da melhor maneira possível.

O Happy Hour, projeto iniciado em 7 de junho, é uma reunião de feita no zoom nas primeiras segundas-feiras de cada mês, dedicadas à ampliar horizontes, acender a luz onde empacamos, trazer ferramentas de mudança, de ampliação da consciência*.

O objetivo é que as pessoas tenham mais facilidade com os desafios, se libertem de pesos que não interessa carregar, resolvam incômodos, dores, relacionamentos. A vida real não tem o botão “pause” como os videogames. É um processo contínuo, ora lento, ora desesperadamente acelerado. As terapias quânticas e todos os estudos que venho fazendo há anos me trazem muitas formas diferentes de agilizar a mudança, de ampliar a visão sobre os problemas.

Me agrada mais ainda a facilidade e simplicidade com que podemos lançar mão desses recursos a qualquer hora, em qualquer lugar. É muito prático ter algo disponível para usar no dia a dia à medida que a vida vai fluindo. Isso tudo eu compartilho nos encontros.

*Esse termo, expansão da consciência, tem sido usado à exaustão no mundo chamado por mim de “esquisotérico” e, ao escrevê-lo, paro e penso se deveria escolher outras palavras. Fico num vai e vem insano… só que, na realidade, é isso mesmo: cada vez que nos observamos a partir de um outro nível, podemos acessar novas soluções, novas formas de nos comunicar, novas habilidades que antes não sabíamos possuir. Já estava tudo lá, ou melhor, dentro, mas a gente não conseguia ver, tocar ou usar o material.

Isso faz com que, da próxima vez que nos confrontarmos com algo semelhante, teremos uma resposta diferente daquela automática e traumatizada impressa no nosso corpo.

No meu ponto de vista, nossa evolução é como uma escada em espiral ascendente, com degraus. Não é uma escada rolante, com movimento contínuo, suave e sem paradas. É uma escada antiguinha e devemos subir cada degrau. E vamos dando voltas. E cada vez que voltamos a um assunto delicado, estamos num patamar mais alto e vemos as coisas de outra maneira. Assim, podemos reagir diferentemente, agir em vez de reagir.

Nas subidas mais inclinadas, às vezes, precisamos de ajuda. Nem todos nascemos com pernas hábeis para terrenos íngremes. Parar para tomar fôlego pode ser saudável, analisar como estamos evoluindo E SE estamos evoluindo. Já parou para apreciar a vista e a vida te atropelou como um caminhão desgovernado? Acontece…

Se desejar retroceder, desce um pouco. Volta para trás. Senta. Acontece. Se desejar saltar um lance inteiro para trás… Se desejar saltar um lance inteiro para frente e para cima… aprenda a voar! Nesse plano, as suas asas funcionam com eficiência? Nada é impossível, com uma boa dose de determinação, confiança e força.

Confiança em você e na Vida!

Para participar, entre aqui: link https://t.me/+TvQsGDqNO58zZTYx, grupo para acessar o link do zoom.

Publicado por Denise Fracaro

Sou uma pessoa que não cansa de estudar, em busca constante de autoconhecimento, com imenso prazer em compartilhar seus achados para o benefício de todos os seres. Além de blogar, trabalho com terapias quânticas usando diversas técnicas e dou cursos e workshops.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: