Em quem confiar?

“Pai, perdoai-os. Eles não sabem o que fazem.”

Quando será que vamos saber o que fazemos de verdade, quando estaremos plenamente conscientes do momento e das causas que nos levam a agir de determinada maneira?

Quando Jesus disse isso, quer dizer, supostamente ele disse isso… Naquela época, não havia celulares gravando as manifestações públicas e colocando na rede em tempo real.

O que ele disse, foi passado de boca em boca (não literalmente…) e ‘quem conta um conto aumenta um ponto’… o que será mesmo que ele disse?

Não podemos ter certeza.

Hoje temos um software que coloca na sua boca, com a sua voz, palavras que você nunca falou. Supostamente criado para ter as propagandas de multinacionais veiculadas em diversos países com a voz original do ator/atriz falando a língua local….

Como acreditar no que se vê e ouve?

A bíblia não é um livro de história. A bíblia foi reescrita e reeditada muitas vezes. Várias partes foram retiradas para atender a certos interesses. A tradução também foi cuidadosamente estudada para que a nossa percepção da realidade fosse de determinada maneira.

A história é escrita pelos ‘vencedores’, pelos que se impuseram e não pelos que foram escravizados ou domesticados. Estes não têm voz nem voto. Apenas uma versão dos fatos nos é apresentada.

Contudo, cada um vê a vida pelas suas lentes. O que eu acredito no meu íntimo impacta a minha vida pessoal e a de poucas pessoas que vivem perto de mim.

Eis aqui uma pessoa desconfiada. Sempre me pergunto, muitas e muitas vezes, se estou ‘pirando na batatinha’! Em quem ou no que se pode confiar nesses tempos?

Os governos nos manipulam por tantas razões que nem me darei ao trabalho de enumerar. As empresas nos manipulam para acreditarmos que temos necessidades que não temos, para gastar o nosso dindim, estar sempre em busca de algo novo lá nas lojas e na internet…

Ninguém é inocente nesse jogo. Nenhuma instituição é inocente ou inofensiva. Estamos o tempo todo sendo monitorados para agir de determinada maneira que será mais lucrativa para alguém.

Em quem confiar? No padre, no guru… Muitos estão tendo suas máscaras rasgadas… Seria mesmo o fim dos tempos onde separa-se o joio do trigo?

Em quem confiar?

Toda tecnologia criada pode ser usada para fins benéficos ou o oposto. A pólvora foi criada para desenhar com fogos de artifício coloridos um céu de deslumbramento, para comemorações. Quem já teve a oportunidade de ir ao réveillon do Rio de Janeiro presenciou um espetáculo muito lindo. Pode-se usar a mesma pólvora em canhões e escopetas. Para matar. Matar pessoas e animais. Tem gente comemorando isso também.  

A mesma coisa se deu com a energia nuclear. Presta-se a iluminar cidades e trazer mais conforto às pessoas ou para aniquilar completamente a natureza de grandes áreas por longos períodos.

As tecnologias não estão em equilíbrio com um desenvolvimento espiritual/ético/moral que promova a integração e cooperação entre os povos. Apesar dos ganhos, vale a pena? Com certeza, para quem está na posição de apertar o botão, vale!

Os danos colaterais = milhares de mortes, são apenas números nas estatísticas. Morrem pessoas todos os dias, que diferença faz, alguns óbitos a mais? Ainda vão sobrar tantos por aí para serem usados nas próximas experiências.

Vacina de RNA pode ser usada para o bem? Sim. Para o mal? Tristemente sim. Quem controla isso? As grandes corporações sócias dos governos que nos vendem a comida que nos adoece feita com os agrotóxicos que empesteiam a terra, a água e as lavouras para, em seguida, empurrar goela abaixo os remédios que manterão a doença ‘controlada’ e nós aqui, só consumindo e entrando sorridentes nas estatísticas.

Quantas doenças estão sendo criadas por excesso de metais pesados, por excesso de glúten, adoçantes, corantes, estabilizantes, conservantes afora os antibióticos e hormônios dados aos animais de corte, que consumimos junto com o leite e a carne alterando o nosso sistema endócrino de formas irreversíveis…

Em quem confiar, eu me pergunto?

A única coisa que me ocorre é minha consciência e meu saber, meu porto seguro nesses tempos de turbulência. Esse guru interno e silencioso que vive sendo soterrado pelo barulho ensurdecedor da cidade.

Publicado por Denise Fracaro

Sou uma pessoa que não cansa de estudar, em busca constante de autoconhecimento, com imenso prazer em compartilhar seus achados para o benefício de todos os seres. Além de blogar, trabalho com terapias quânticas usando diversas técnicas e dou cursos e workshops.

Um comentário em “Em quem confiar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: